O guia para te focares melhor: lições de um domador de leões

Encontrei este artigo tão fascinante que tive de o partilhar como forma de honrar este conceito tão simples e tão útil. Lê o artigo original aqui ou continua a ler.

O domador de leões

Como um domador de leões te pode ajudar a ter foco e viver uma vida melhor.

Clyde Beatty, domar de leões

Havia um rapazinho chamado Clyde Beatty, que nasceu em Ohio em 1903. Quando era adolescente, saiu de casa para se juntar ao circo. Começou a limpar jaulas dos animais, mas avançou na carreira para se tornar um grande homem do showbiz.

O Clyde ficou famoso pela sua atuação em que domava feras selvagens. Uma das atuações envolvia leões, tigres e outros felinhos, todos ao mesmo tempo, em que os domava a todos.

A maioria dos domadores de leões morria no ringue, mas o Clude viveu até aos seus 60 anos, de cancro, não por causa dum leão.

Como é que ele sobreviveu? Com uma ideia simples.

Ele foi o primeiro domador de leões a usar uma cadeira no ringue do circo.

O chicote e a cadeira

Clyde Beatty a colocar cadeira à frente de leão Quando pensamos em domadoes de leões, pensamos em alguém a envergar um chicote e uma cadeira. O chicote é o que nos chama mais a atenção, mas é na realidade a cadeira que é o segredo.

Quando um domador de leões coloca uma cadeira na cara do leão, este tenta focar-se em todas as 4 pernas ao mesmo tempo. Como o foco dele está dividido, o leão fica confuso.

Com “tantas” escolhas, o leão congela e espera, em vez de atacar o domador.

Como evitar ficar como o leão

Quantas vezes te encontras na mesma posição do leão?

Leão confuso

Quantas vezes tens algo que queres ou precisas fazer (perder peso, ganhar músculo, começar um negócio, viajar mais…) só para ficares confuso(a) com todas as opções que tens e congelares?

Isto é verdade na saúde, fitness e várias outras áreas onde as pessoas e empresas pensam que têm que tornar as coisas mais complexas do que o que são. Parece que cada rotina de exercício que encontramos é a melhor, ou que aquele especialista afirma ter o melhor plano de nutrição, ou um guru qualquer que diz que tem as chaves para ganhar dinheiro na internet.

Enquanto os especialistas e as pessoas se debatem pelas melhores opções, aqueles que querem de facto melhorar as suas vidas (tu e eu) ficam congeladas e frustradas com tanta informação.

O resultado final é que nos sentimos congelados e acabamos por não fazer nada, ou focarmo-nos em coisas que não interessam, tendo menos progresso e fazendo menos coisas.

Está na altura de mudar isso tudo, e eis como…

Como te focares e aprenderes a estar concentrado(a)

Alvo com seta

De cada vez que sentires que o mundo te colocou uma cadeira “in your face”, lembra-te que tens uma escolha. Só tens de te comprometer a uma coisa.

Não tens de fazer as coisas de forma perfeita. Só tens de começar. Começar antes de estares pronto(a) é um dos hábitos das pessoas de sucesso.

A capacidade de começar e comprometeres-te a uma tarefa é só o que precisas para te focares melhor. A maioria das pessoas não tem problemas de foco. Eles têm problemas em decidir coisas.

Alguma vez tiveste uma tarefa à tua frente que tinhas mesmo de fazer? O que aconteceu? Fizeste-a. Talvez até tenhas adiado as coisas, mas quando te comprometeste a ela, fizeste-a.

Fazer progresso na tua saúde, no teu trabalho e na tua vida não é baseado em como aprenderes a concentrar-te, mas sim como escolher e comprometeres-te a uma tarefa específica.

Tu tens a capacidade de te focares, só precisas de escolher no quê é que a vais direcionar, em vez de ficares congelado como o leão, com a atenção dividida pelas 4 pernas da cadeira.

Queres perder peso? Ótimo. Começa uma alimentação “normal”, ou seja, toda a comida que não for embalada ou estiver numa caixa. Carne, peixe, vegetais e legumes. Inicia um regime de exercício, mesmo que seja só andar. Compromete-te com o básico, criando assim bons hábitos, percebendo que isto é para ser feito a longo prazo, na tua vida. A consistência é mais importante do que a intensidade.

Queres ganhar músculo ou ficar em forma? Boa. Pára de ler os posts motivacionais no Facebook e vai para a cama mais cedo. No próximo dia, começa um plano de treino, seja com movimentos corporais (flexões, elevações), seja com pesos (agachamento, peso morto, press militar), e dedica-te.

Queres começar um negócio? Fantástico. O mundo do empreendedorismo não é fácil, ou toda a gente o faria. Não tens de aprender uma nova estratégia ou aprender a focares-te. Só tens de te dedicar a tornares o teu projeto uma realidade. Começa a tua caminhada com o primeiro passo e acredita em ti, sabendo que irás ganhar experiência à medida que vais caminhando.

Todos nós temos a capacidade de nos concentrarmos no que quisermos, mas apenas se e quando decidimos aquilo que é importante para nós e ao que nos queremos dedicar e concretizar. A única má escolha, é nenhuma escolha.

Pára de olhar para a cadeira

Domador de leão com cadeira e chicote
Jacobsen/Stringer/­Getty Images

A vida não é um ensaio. Não existem “continues” como nos vídeo-jogos. Tu estás no ringue da vida. A maioria do tempo, sentamo-nos quietinhos a olhar para a cadeira à nossa frente, debatendo-nos sobre que perna é mais importante.

Mas não tem de ser assim. Se tens algo que queres fazer, algum sítio onde queres chegar, alguém que queres ser… então toma a tua decisão. Se estás bem claro(a) sobre onde queres ir, o mundo ou irá-te ajudar a lá chegar, ou sairá do teu caminho.

Não tens de fazer tudo duma vez, nem que as coisas fiquem perfeitas. Tens é de fazer alguma coisa, agora. Alguma coisa que é importante para ti, alguma coisa para o qual estejas destinado a fazer. Eu posso não saber o que é, mas tu sabes. Tira a cadeira da tua frente e dá o primeiro passo.

Deixo-te com um artigo interessante sobre como domar leões, onde o Clyde Beatty é mencionado.

Seja social e partilheShare on FacebookShare on LinkedInTweet about this on Twitter

Deixe um comentário