Como otimizar o seu vídeo para anúncios

Mais de 1 bilião de utilizadores ativos: é esse o mercado potencial com que podemos chegar às pessoas com os nossos anúncios.

Até me faz salivar.

Você que investe o seu tempo e recursos para criar conteúdo de vídeo para publicidade, merece ter retorno ao seu investimento.

Infelizmente, o Facebook não é grande ajuda a guiá-lo no processo de otimização, portanto fiz uma lista de dicas que para ajudar a criar e otimizar os seus vídeos para anúncios Facebook.

Dicas de criação de vídeo para anúncios

Vamos lá às dicas.

Os seus objetivos de negócio

Qualquer vídeo que for criar deve estar alinhado com os seus objetivos de negócio. Qual é o propósito do vídeo? Branding, leads, vendas?

Defina objetivos mensuráveis

Comece pelo fim. Imagine que está no fim da sua campanha. Teve sucesso? Foi um flop? Como é que sabe? Defina um resultado que quer atingir.

Três setas alvo

Agregue valor

Não olhe para o seu umbigo, ninguém quer saber de si. Foque-se nas pessoas, que vídeo pode criar para as ajudar? Talvez um vídeo “como fazer”, uma demonstração do seu produto ou serviço.

Isto não é só aplicável ao vídeo. Toda a sua comunicação e marketing deve dar valor, ou informar, motivar, e inspirar à ação.

À medida que for tendo ideias para fazer vídeos que agreguem valor à sua audiência, foque-se em criar um relacionamento com as pessoas. Crie vídeos e histórias que mostram que você é como eles e que percebe os desafios e motivações deles.

ovo dourado

Mostre a sua marca

Não precisa ser sempre sério: pode ser um bocadinho brincalhão como eu, de vez em quando. Ao criar vídeos, injete um pouco da personalidade da sua marca, da sua empresa, ou da sua pessoa, como indivíduo.

Há muito conteúdo e vídeo disponível para as pessoas verem no Facebook, não faça com que o seu vídeo seja mais um na multidão. Mostre porque é diferente.

Tintin

Interaja imediatamente com eles

Quando as pessoas estão no Facebook a fazer scroll pela fee de notícias, estão a distrair-se, a ver coisas que têm interesse, quer seja, a foto do cão do amigo, memes, notícias ou vídeos interessantes.

A maioria das pessoas não se pode dar ao luxo de passar muito tempo na feed de notícias deles, são normalmente seletivos.

Os primeiros 3-5 segundos do seu vídeo são importantes para chamar à atenção do utilizador e fazer com que queira ver o resto do vídeo.

Tenha isto em mente quando estiver a planear o seu próximo vídeo. Precisa chamar à atenção deles com a primeira frame do seu vídeo.

Isto significa que não deve ter uma introdução longa nem logótipos animados. Envolva as pessoas imediatamente com o seu conteúdo, ninguém quer saber do seu logótipo animado.

Pessoas anuncio

Legendas.

Parta do principio que as pessoas irão ver o seu vídeo sem som. Portanto ele deve ter legendas e conseguir ter bons resultados mesmo sem som.

Seja sucinto

Temos cada vez mais a atenção dum peixe de aquário, por isso seja sucinto. Isto não significa vídeos curtos.

A maioria dos especialistas recomenda vídeos curtos. Eu não.

O que recomendo é que teste. Teste com vídeos curtos e vídeos longos. Se uma pessoa estiver mesmo interessada, ela irá ver o vídeo, seja curto ou longo.

Mas é importante chamar à atenção da pessoa, daí os primeiros 3-5 segundos serem importantes para contar a sua história.

Não pense “precisamos dum vídeo de 2 minutos para promover o nosso próximo produto.” Em vez disso, pense em qualquer duração que precise para passar a sua mensagem, quanto mais curto melhor, mas há exceções.

O conteúdo é mais importante que a duração. A mensagem a passar é mais importante que a duração do vídeo.

altifalante-pessoas

Vídeos de qualidade

Não tem de contratar uma agência para criar um vídeo profissional (embora se o puder fazer, força).

Pode criar vídeos no seu dispositivo móvel, mas deve ter qualidade, não só na imagem, como no áudio e o valor que a mensagem está a agregar junto das pessoas. Seja um vídeo que mostra como fazer alguma coisa, seja você a mostrar os “bastidores” da empresa, deve ter qualidade de filmagem e de mensagem a passar.

Gato a ver Macbook air


Dicas de otimização de vídeo para anúncios

As dicas seguintes são para otimizar os seus vídeos e usá-los corretamente em anúncios para obter os melhores resultados.

Vídeos nativos

Depois de fazer os seus vídeos, carregue-os diretamente para o Facebook. Simples.

Se quer colocar o seu vídeo num post do Facebook, não faça link para o YouTube, Vimeo ou Wistia. Carregue diretamente, carregue nativamente para o Facebook.

E a razão é simples:

  • O vídeo no Facebook faz autoplay, o que gera mais envolvimento;
  • O Facebook favorece vídeos nativos do que de outras plataformas (YouTube, etc.)

Em relação a formatos, use vídeo vertical (bom para mobile) ou quadrado (porque pode ser usado tanto no Facebook como Instagram). Veja este vídeo para os formatos recomendados.

Fazer post no facebook

Crie um Público personalizado

Quem é o público-alvo do seu anúncio de vídeo? Isto é um passo importante por razões óbvias.

Tem duas opções:

  • Definir um público com base na informação do perfil Facebook (ex.: empresas de casamentos e batizados podem querer definir pessoas com estatuto de casadas);
  • Definir um público com base na interação com o seu website, página Facebook, ou outros anúncios (ex.: pode querer promover um post com um link para um artigo no seu blog das pessoas que visitaram o seu site nos últimos 30 dias).

Criar público personalizado

Escolha um thumbnail

As pessoas no Facebook podem desactivar a função de autoplay.

Tendo isto em conta, escolha um thumbnail, ou seja, uma miniatura que seja interessante e apelativa, ao mesmo tempo que seja relevante para o conteúdo do seu vídeo (nada de bait&switch, o Facebook detesta isso).

Thumbnail vídeo Facebook

Escreva um título potente

A thumbnail e os primeiros 3-5 segundos do vídeo são os fatores mais importantes, mas um título também pode ditar que a pessoa veja, ou não veja, o seu vídeo.

O seu título deve responder à pergunta: “porque devo ver o teu vídeo?”

Diga-lhes porquê. Seja transparente, evite jargão técnico para impressionar ou títulos de “clickbait”, ou seja, um título para levar a pessoa a clicar ou ver, e depois o vídeo não é nada daquilo que foi prometido no título.

Título do vídeo

Apelo à ação

Isto é importante. Um apelo à ação é o que faz do seu vídeo uma atividade de marketing.

Coloque um apelo à ação no seu anúncio de vídeo nem que seja Saiba Mais.

Atenção: um apelo à ação não é só o botão que o Facebook lhe permite colocar no anúncio. Não. Um apelo à ação é qualquer texto, qualquer ação que eu peço que você tome. Por exemplo, clique aqui para saber qual a duração recomendada de vídeos. Acabei de lhe dar um apelo à ação.

Apelos à ação no post do vídeo

Sugiro que faça campanhas de retargeting para utilizadores no Facebook que clicaram num apelo à ação.

Público personalizado de interação

Também pode fazer retargeting para aqueles que foram à sua landing page e não se converteram (não chegaram à sua thank you page).

Escreva uma descrição informativa

Ao contrário do título, o texto para descrever o vídeo não tem de ser muito apelativo, tem é de ser informativa, explicar a oferta, o apelo à ação. Isto é um complemento ao título. Porque é que eles devem clicar? Dê-lhes a resposta.

Não caia na tentação de descrever o que é o vídeo. Se fez um bom trabalho a criar um vídeo que agrega valor, não tem de se prender com detalhes na descrição.

Texto do vídeo

Adicione legendas

As legendas são importantes porque temos de partir do princípio que elas vão ver o seu vídeo sem som.

Aconselho a colocar as suas legendas incorporadas no próprio vídeo, e não através dum ficheiro de texto carregado para o Facebook, porque as legendas do Facebook são pequeninas.

Curiosidade: se o seu vídeo tiver linguagem em Inglês, o Facebook consegue colocar legendas automaticamente ao reconhecer a voz desse idioma. Mas verifique para erros, porque a tecnologia de reconhecimento de voz do Facebook está longe de ser perfeito. Isto apenas está disponível no Power Editor ao criar um anúncio. Saiba mais aqui.

Vídeo com legendas


E agora?

Seguiu as minhas dicas e foi para a frente com a sua campanha. E agora?

Meça, otimize, repita. 99% das vezes o primeiro anúncio que fizer não vai ter grande alcance, nem interação, conversão, nem retorno. É normal.

Com o tempo, ganha mais experiência e conseguirá fazer melhor. Para isso, sugiro que analise a sua campanha após 24 a 36 horas dela estar ativa, veja as métrica e faça ajustamentos.

Seja social e partilheShare on FacebookShare on LinkedInTweet about this on Twitter

Deixe um comentário