Como usar o Facebook Analytics no seu site

Como usar o Facebook Analytics no seu site

Utilizador pagina web

Atualizado: Novembro 2019


Já ouviu falar do Facebook Analytics?

Para algumas pessoas parece um bicho de 7 cabeças, mas neste artigo vai saber como instalar e usar o Facebook Analytics para revelar informação sobre os utilizadores que visitam o seu site.

Temos de começar pelo princípio, ao instalar o píxel, porque senão nada disto vai funcionar.

1. Coloque píxel Facebook no seu site

O píxel é um pequeno código que coloca no seu site para poder otimizar os seus anúncios ao ter informação sobre os seus visitantes.

Se ainda não o fez, vá instalar o píxel do Facebook no seu site, tem de o fazer para que o Facebook Analytics possa obter informação do seu site.

Para criar o píxel, vá ao seu Gestor de Anúncios ou Gestor de Negócios, e selecione Píxeis. Ele estará por baixo de Dados e relatórios.

Selecionar píxel do Facebook

Vai ter a este ecrã. Clique em Criar Píxel.

Botão criar píxel

No próximo ecrã, dê um nome ao seu píxel e clique em criar. Note que se tiver uma conta de anúncios pessoal só pode criar um píxel, mas se tiver uma conta de Gestor de Negócios pode ter até 10 píxels e várias contas de anúncios.

Dar nome a píxel e criar

Tem 3 formas de instalar o píxel no seu site: usar uma integração ou o Google Tag Manager (Gestor de Etiquetas da Google), instalar manualmente ou enviar instruções para o seu developer.

Opções para instalar o píxel

Recomendo que instale manualmente. Eis como instalar o píxel do Facebook em:

Ao selecionar a opção para instalar manualmente, o Facebook mostra-lhe instruções para como o instalar. Copie e cole o código do píxel no cabeçalho do seu site.

Após instalar o código, o Facebook sugere enviar tráfego de teste para o seu website para confirmar que o píxel está corretamente instalado. Pode colocar a URL do seu site e clicar em Enviar Tráfego de Teste, ou então você vai ao seu site e faz refresh algumas vezes.

refresh no seu site

Pode ainda fazer o download da extensão Chrome Pixel Helper, que ajuda a saber se o seu píxel está bem instalado. Dica Ninja: vá ver o site dos seus concorrentes, se eles tiverem o píxel, eles são relativamente sofisticados (ou viram este artigo:)

Ainda nesse ecrã, clique em Continuar e irá ver opções adicionais para acompanhar eventos. Eventos são excertos de código que acrescenta ao código base do píxel para acompanhar certas ações (lead, compra, etc.).

Selecione evento do píxel

Ao clicar num evento (bolinha fica azul) e mostra-lhe o código para adicionar na página que quer acompanhar. Neste caso escolhi Gerar Leads, mas podia ter selecionado quaisquer outros que precisasse.

Código do evento

Este código (Gerar Leads) vou colocar numa thank you page após alguém se inscrever na minha landing page. Assim sei quem se converteu, e o píxel regista a conversão como lead.

Podia ainda selecionar “Enviar parâmetros do evento” para adicionar parâmetros a este eventos, tais como o valor da conversão e a moeda.

Adicionar parâmetros ao evento

Após definir e instalar os eventos que quer acompanhar com o píxel, clique em Concluído.

À medida que as pessoas visitam o seu site e as páginas onde instalou o código do evento, irá ver esta informação no painel de controlo do píxel do Facebook.

Atividade do píxel

Demora algum tempo até o píxel captar dados do seu website, por isso instale o píxel mesmo que não queira fazer nada com ele agora.

Até receber 100 visitas de utilizadores irá ver esta mensagem:

Sem dados suficientes

2. Adicione Eventos ao seu Píxel

Se já tem o píxel do Facebook instalado no seu site, ele irá acompanhar PageViews (visualizações de página) por prédefinição.

Para tirar maior partido do Facebook Analytics e do seu píxel, coloque eventos no seu píxel.

Vá ao seu Gestor de Eventos > Píxel no seu Gestor de Anúncios, clique no píxel e no ecrã seguinte clique em Configurar.

Configurar píxel facebook

Depois selecione “Instalar o código manualmente” (mesmo que já tenha instalado tem de clicar para continuar), e no próximo ecrã, clique no botão “Continuar”.

Vai ter a este ecrã onde pode adicionar os seus eventos. Clique naqueles que quer instalar (note: este código do evento adiciona-se ao píxel) e que fazem sentido para o seu negócio.

Selecionar eventos do píxel

Quando terminar, clique em Concluído. À medida que as pessoas visitarem o seu site e as páginas onde o código do evento está instalado, irá ver dados no seu painel de controlo do píxel.

Algo deste género:

PageView é o próprio código do píxel, Lead e ViewContent são dois dos eventos que eu uso no meu site. Por exemplo, o evento de Lead uso em thank you pages (após a pessoa se ter convertido numa landing page minha) e o ViewContent uso em certos artigos ou páginas importantes que quero acompanhar.

3. Ver analytics do seu site no FB Analytics

Após instalar o píxel do Facebook, irá vê-lo na lista de entidades do seu Facebook Analytics.

Selecione a sua entidade ou usa a caixa de pesquisa para encontrar o seu píxel (poderá ter apenas um ou vários).

Entidade estatística para FB Analytics

Após clicar no píxel que corresponde ao seu site, irá ter à Vista geral do Facebook Analytics, que lhe dá um sumário dos dados do seu site.

Na primeira secção de “Key Metrics” pode ver o n.º de utilizadores individuais (n.º de visitantes únicos do seu site), utilizadores novos (novos visitantes no seu site), receita, sessões (n.º de visitas no seu site) exibições de página (n.º de páginas visualizadas numa sessão).

Key metrics do FB Analytics

Por baixo pode ver quando as pessoas mais visitam o seu site em Active Users: Last 24 Hours (utilizadores ativos nas últimas 24 horas) e Active Users: By Hour (utilizadores ativos na última hora. Também consegue ver a demografia dos visitantes do seu site na secção de People.

Utilizadores ativos e demografia

Na secção abaixo de Active Users pode ver o número de visitantes por mês, semana e dia.

Utilizadores ativos FB Analytics

Por baixo temos Traffic Sources (fonte de tráfego), Top Referer Domains (fonte de visitas de domínios) e Top URLs (páginas mais visitadas).

Traffic sources, top referrers e top urls

De seguida tem Search Sources (de que motores de busca vieram), Social Sources (de que redes sociais vieram) e Median Session Length (sessão média da visita).

Search Sources, Social Sources, Median Session Length no FB Analytics

Por fim temos mais 4 blocos, Revenue (faturação), Age and Gender (idade e sexo), Country (país), e Device OS (sistema operativo de quem visita o seu site).

Faturacao, idade e sexo, pais e dispositivo

Em qualquer destes blocos pode clicar no canto superir direito no link “View Full Report”, e irá ver estes dados em maior detalhe.

View full report Top referrer domains

4. Crie segmentos no Facebook Analytics

É possível personalizar os dados que o Facebook Analytics lhe dá sobre o seu site com Segmentos, Funis, Grupos e Breakdowns (discriminações).

Pode criar ou aceder aos segmentos no topo do painel de controlo do seu Facebook Analytics.

Criar segmento Facebook Analytics

Quando cria um novo segmento, está a criar um filtro de visualização para os dados do seu Facebook Analytics com base nas condições que definiu.

As condições do segmento podem ser definidas com base nos Eventos (do píxel), dados demográficos (idade, sexo, cidade, país e região), informação do dispositivo (como acedem ao seu site), fonte de instalação da app e parâmetros web (domínio, URL, referrer, fonte de tráfego ou UTM).

Aplicar segmento FB Analytics

Ao definir as condições para um segmento, irá ver no círculo da esquerda o total de n.º de utilizadores. Eu escolhi saber os utilizadores que veem do Google, mas você pode definir o segmento com as condições que preferir. Lembre-se de clicar em Aplicar para aplicar as mudanças e em Guardar para guardar o seu segmento.

Condições segmento FB Analytics

Após clicar em Guardar, dê-lhe um nome que faça sentido.

Dar nome a segmento

Quando quiser filtrar os dados no Facebook Analytics para o seu site com base nas condições que definiu, só tem de aplicar o segmento que criou no menu no topo.

Selecionar segmento

Nesse menu dos segmentos pode remover o segmento em “Apagar segmento” (isto não apaga, apenas remove o filtro), criar um novo ou apagar na cruzinha (aí apaga mesmo definitivamente o segmento).

Remover filtro do segmento, apagar ou criar novo

5. Ver quem comprou

Se colocou um valor nos seus eventos (ex.: 1€ no evento de lead ou 297€ no evento compras), poderá ver os dados demográficos e outros dados interessantes dos seus clientes. Para isso clique em Receita no menu da esquerda.

Separador Receita no FB Analytics

Neste separador poderá ver a receita obtida e usar esta informação para analisar tendências de compra ao longo dum período de tempo específico. Também pode analisar os dados demográficos (ex.: idade, sexo) dos seus clientes.

Resultados do separador Receita

6. Use os Funis para ver comportamento do visitante

Para usar esta secção dos Funis precisa de ter eventos colocados no seu píxel, porque é isto que nos vai permitir ver os passos específicos que os visitantes efetuaram no seu site, tais como uma compra, um registo, uma lead, etc.

Por exemplo, se tem uma loja online, pode saber quando os visitantes adicionaram um produto ao carrinho, iniciaram pagamento e concluíram a compra, mas tem de usar eventos com o píxel do Facebook.

Para criar um funil clique em Funis no menu do lado esquerdo e clique em Criar Funil.

Criar funil no Facebook Analytics

Selecione os seus passos do funil e clique em Aplicar. Irá ver um gráfico de barras. Neste exemplo coloquei três passos (atividade utilizadores, adicionar ao carrinho e compras). Esta é a percentagem de pessoas que caem em cada passo.

Passos do funil no FB Analytics

Clique no botão Guardar para guardar este funil e poder vê-lo quando quiser. A vantagem dos funis é conseguir ver em que passo é que os seus visitantes abandonam o seu funil de vendas ou geração de leads.

Se notar que há muitos visitantes a cair num certo passo do funil, reveja esse passo no seu site para perceber o que haverá para resolver ou otimizar de forma a converter mais visitantes. Por exemplo, se há muitas pessoas que adicionam ao carrinho, mas não compram, isso significa que o produto é apelativo, mas por alguma razão não compraram. Talvez haja um problema com a página de checkout, ou não é aceite determinado método de pagamento.

7. Saiba quantos utilizadores conseguiu reter

Em Retention (retenções) pode analisar a percentagem de pessoas que regressam ao seu site (ou Página, ou app) após a interação inicial.

Retenção de utilizadores

Pode filtrar por intervalo de tempo e parâmetros para especificar os resultados do gráfico. Neste caso usei Cidade mas podia ter usado quaisquer dos vários parâmetros disponíveis.

Separador Retenção no FB Analytics

8. Veja comportamento conjunto dos seus utilizadores

No separador de Grupos pode ver as pessoas que efetuaram dois eventos do seu píxel do Facebook, tais como um visitante preencher um formulário (convertendo-se em lead) ou ter visitado o seu website.

Para criar um grupo, clique no separador de Grupos e depois em Criar Grupo.

Criar grupo no FB Analytics

Selecione os dois eventos que quer analisar. Também pode usar uma “medida” diferente. Por prédefinição, está como Retenção de utilizadores.

Criar grupo e selecionar 2 eventos

Clique em Aplicar e irá ver estatísticas que irão ajudar a medir e otimizar a sua retenção de utilizadores, o valor de vida do cliente (que o Facebook chama valor em toda a duração), entre outros.

No exemplo, selecionei os eventos Exibições de página (PageView) e Leads. Isto mostra a percentagem de utilizadores que viram alguma página no meu website e que se converteram em leads. Lembre-se que pode selecionar um intervalo de tempo diferente (diário, semanal, mensal).

Retenção de utilizadores nos grupos

Se quiser guardar este grupo clique em Guardar ao lado do botão Aplicar para poder ver este grupo no futuro.

9. Crie as suas Discriminações

O separador Breakdowns (Discriminações) é onde pode ver os parâmetros dos seus eventos do píxel do Facebook.

Por prédefinição o Facebook já tem algumas discriminações feitas por nós. Pode usar isto como exemplos para criar as suas próprias discriminações.

Separador discriminações no FB Analytics

Para criar uma discriminação, clique no canto superior direito em Criar Discriminação, e no ecrã seguinte, dê-lhe um nome, escolha o seu evento e três parâmetros do evento para analisar.

No exemplo temos o evento de Add to Cart (adicionar ao carrinho) selecionado, e três parâmetros dele, por fonte de tráfego, tipo de dispositivo e modelo de dispositivo.

Criar discriminação do evento no FB Analytics

Clique em aplicar e irá ver os resultados destes “filtros” (os parâmetros) que selecionou. Para guardar, clique no menu da seta invertida do botão Aplicar e irá ver Guardar.

Resultados da discriminação

10. Descubra os utilizadores mais ativos no seu site

Em Percentagens podemos ver os grupos de visitantes mas ativos no seu website ou que resultam em mais Compras.

Por prédefinição irá ver Exibições de página (Page Views) no topo. Esta métrica mostra a distribuição de pessoas que visualizaram uma página no seu site, em que o eixo horizontal é a percentagem dos utilizadores e o eixo vertical é o número de páginas visualizadas.

Percentil de Exibicao de Página no FB Analytics

Você pode criar o seu próprio Percentil personalizado ao selecionar um evento do seu píxel, tais como Add to Cart, Content View, Lead, Purchases.

Eu selecionei Compras (Purchases) para analisar a percentagem de utilizadores e quanto compraram eles no meu site.

Separador percentagem no FB Analytics

11. Analise os seus eventos

Clique em Events (eventos) no menu da esquerda para ver todos os eventos que o seu píxel do Facebook está a acompanhar. Poderão ser poucos, ou vários, de acordo com os eventos que instalou juntamente com o píxel no seu site.

Eventos a ser acompanhados

Ao clicar num Evento, irá ter uma visão geral dos visitantes que tomaram uma ação no seu site para esse evento. Dependendo do evento que escolheu, irá ver estatísticas adicionais.

Dados sobre Evento de Compras

12. Veja se há erros, e onde

Em Depuração de eventos pode ver se existem erros no seu site ou app e em que tipo de dispositivos é que eles estão a ocorrer.

Isto ajuda a saber se existem erros no seu site ou app que estejam a ocorrer num certo tipo de SO (sistema operativo) do utilizador. Por exemplo, uma página sua ou alguma funcionalidade no seu site podem abrir bem em Android mas dar problemas em dispositivos iOS (iPhone).

Pode ainda refinar a sua análise por algum evento ou sistema operativo específico. É uma boa forma de fazer “troubleshooting” ao seu site.

Separador Depurador de Eventos no FB Analytics

13. Reveja as suas sobreposições de públicos

Na Sobreposição pode analisar quantos utilizadores únicos interagem com o seu site em mais do que um canal ou parâmetro. Por exemplo, os seus clientes podem usar vários tipos de dispositivos até comprar no seu site.

Percentagem de utilizadores sobreposicao

Use o menu da seta invertida no canto superior direito para selecionar um evento e um parâmetro de evento. Assim pode ver quantos clientes usam que tipo de dispositivos com base no evento selecionado (ex: compras, leads, etc.).

No exemplo podemos ver a uma combinação da percentagem de atividade dos utilizadores com base na combinação das fontes de tráfego que usaram para interagir no seu site.

Sobreposição no Facebook Analytics

14. Quanto ganha por cliente?

Se está a acompanhar o evento de Compras (Purchases) no seu píxel do Facebook, pode clicar no “Valor em toda a duração” no menu da esquerda para ver o valor do tempo de vida do cliente dos visitantes.

Tem um gráfico de linhas e uma tabela que lhe dão informação valiosa sobre o valor dos visitantes do seu site.

Pode usar o menu em cima para filtrar por todos os utilizadores ou apenas os contribuintes, por intervalo de tempo, e um dos parâmetros disponível em “Mostrar por”.

Ao passar com o rato por cima irá ver mais detalhes.

Valor em toda a duração no Facebook Analytics detalhes

15. Conheça a fundo os seus visitantes

Em “Pessoas” tem acesso a separadores, começando pelos Destaques, que nos dão uma visão de helicóptero dos dados demográficos dos utilizadores no seu site.

Separadores Pessoas > Destaques

Em Destaques poderá ver ainda a idade e sexo, canal, idioma, país e cidade dos utilizadores.

Dados demográficos em Destaques

Abaixo dos Destaques, temos o separador de Demographics (dados demográficos) encontramos o mesmo tipo de informação, o que é um pouco redundante, mas temos alguns dados adicionais que vale a pena analisar, tais como Cargos, Nível académico e Estado civil.

Separador Pessoas > Demographics

Por baixo, temos o separador Gostos da Página, que mostra as páginas mais gostadas pelas pessoas que visitaram o seu site. Bom para analisar possíveis concorrentes (embora possam não ser só concorrentes).

Separador Pessoas > Gostos da Página

No separador de Technology (tecnologia), tem acesso a informação sobre o tipo de SO (sistema operativo), tipo e modelo de dispositivo que os utilizadores usam para aceder ao seu site.

Separador Pessoas > Technology

Logo por baixo, no separador de Household/Purchase (Agregado Familiar/Compras), poderia ver dados sobre o agregado familiar e os hábitos de compra dos seus utilizadores. Infelizmente, e de acordo com o Facebook:

As informações apresentadas na subsecção Agregado Familiar/Compras só está disponível para membros do público que também são utilizadores do Facebook nos Estados Unidos.

Mas por curiosidade, eis os tipos de dados que aparecem neste relatório.

Separador Pessoas > Household Purchases

16. Verifique as suas definições

A última secção do menu da esquerda é Definições desta entidade do Facebook Analytics.

É aqui que pode escolher se utilizadores com permissões de Analítics podem ver dados de compras e mudar o seu fuso horário. Há pouca coisa para “definir” aqui, mas é isto o separador de Definições.

Secção de Definições do Facebook Analytics

Ufa, está feito

Como conseguiu perceber, o Facebook Analytics mostra-lhe uma enorme (e valiosa) quantidade de informação, quer você seja marketer ou esteja à frente da sua empresa.

Pode usar estes dados que o Facebook lhe mostra dos visitantes do seu site para otimizar o seu site e a sua estratégia.

O que aprendeu deste artigo? Partilhe connosco nos comentários.

P.S.: Veja também este artigo abrangente sobre o Facebook Analytics.


Ao teu sucesso,
assinatura-joao-78x50-nenhuma
João Alexandre
Estratega Digital

Marketing Digital sem espinhas

Deixe um comentário