Dicas para escalar webinars

Dicas para escalar webinars

Apoiar nas estatísticas

Atualizado: Outubro 2019


Algumas dicas para “escalares” os teus produtos, serviços ou cursos online. Escreve nos comentários se tiveres dúvidas.

1. Otimização do funil

O teu funil deve estar bem otimizado. Isto significa testar as tuas landing pages, CTAs, tempo de carregamento de página, que apareça bem em todos os dispositivos, etc.

Embora isto possa ser óbvio, por vezes passa-nos ao lado. A malta começa a testar todo o tipo de estratégia de lances ao enviar tráfego para um funil que “mirrou”. No Bueno.

2. Alimenta a máquina

Testa vários “ângulos”. Para mim, cada campanha é um ângulo. Isto significa que cada anúncio nessa campanha usa a mesma copy grande no corpo de texto, e aí testo com diferentes imagens, títulos, CTAs, etc.

Testo vários ângulos por semana para alimentar a máquina do algoritmo. Podes testar 5 e apenas 1 se aproveita, mas aproveita-se o suficiente para compensar as perdas dos outros 4.

É melhor isso do que deixar de testar novos ângulos quando tens um ou dois que estão a funcionar. Deves escalar horizontalmente e verticalmente ao mesmo tempo. Não só um, ou só outro.

3. Conhece as tuas métricas

Nós vivemos no mundo da informação. Tens de conhecer as tuas contas de trás para a frente, para saber o que está a funcionar e o que não está.

Usa a secção de Relatórios no Gestor de Anúncios. Quando usas uma boa nomenclatura nas tuas campanhas, começas a ver padrões interessantes nos teus dados. Para campanhas que não estão a dar lucro, podes transformá-las de “perder dinheiro” para “comprar dados”. É uma nova forma de pensares nas coisas.

4. Remarketing à prova de bala

Escalar para níveis elevados de orçamentos pode ser difícil sem teres um “backend” à prova de bala.

Escreve todo o tipo da customer journey no computador ou num bloco de notas, para garantir que não existem “furos” no teu funil.

Divide-os por quais passos eles não fizeram ou não atingiram, bem como o período de tempo desde que isso aconteceu. Depois coloca-te na posição desse utilizador para esse passo específico. O que nos leva ao próximo ponto.

5. Respeita a jornada do utilizador

O conteúdo e ativos que apresentas a alguém que não atendeu ao webinar é diferente daqueles que chegaram a uma sales page.

Deves saber em que ponto se encontra o utilizador a nível psicológico. Não peças a alguém para se casar contigo na primeira vez que estás com ele(a).

6. Dá valor antes de pedir a compra

Cria vário conteúdo gratuito (PDF, vídeos, etc.) para alimentar o valor que dás aos utilizadores e levá-los ao longo do funil.

Talvez eles não queiram assistir a um webinar de 2 horas. Talvez se tenham distraído. Continua a provar-lhes que o teu produto lhes dá grande valor.

Quando as pessoas assistem ao webinar mas não visitam a sales page, não os marteles com a tua oferta. Provavelmente precisam de mais algum “namoro”.

7. Varia os teus ativos

Usa diferentes tipos de publicação, e cria os teus anúncios específicos para esses locais.

Um anúncio feito para as Histórias do Instagram vai quase sempre ter melhor desempenho de outro que foi duplicado dum anúncio destinado para a feed.

Faz uso de testemunhos, excertos do teu curso, proposição de valor, etc. Pessoas diferentes respondem a ativos diferentes. O que funciona para uma pessoa pode não ter efeito noutra. Por isso, criamos vários tipos de conteúdo, lançando uma rede de peixe grande para que todos esses tipos de pessoas possam ver e consumir o teu conteúdo.

8. Métricas ao início

Tive campanhas em que as métricas eram 3-4x mais altas que outras, mas depois deram bons resultados.

Da mesma forma que o CPC não nos diz tudo, também o teu custo por registo ou custo por assistir não te vai dizer tudo.

Registos baratos para um webinar não significa que esse tráfego é de alta qualidade (embora possa vir a ser). Por isso as métricas mais do fundo do funil é que nos contam uma melhor história a partir das quais possamos fazer ajustamentos.

9. Paciência

Ter um webinar que possa ser lucrativo e que seja escalável pode demorar uma grande quantidade de tempo (em comparação com eCommerce). Precisamos de “massajar” estas contas durante semanas ou meses para as colocar em condições para poderem escalar.

Isto requer uma grande quantidade de investimento, não só de tempo, mas de dinheiro. Ter uma audiência existente, que gosta de ti, é um bom sinal e já ajuda bastante ao princípio. Mas mesmo que o início seja lento, isso é normal quando estamos a promover um novo webinar.


Ao teu sucesso,
assinatura-joao-78x50-nenhuma
João Alexandre
Estratega Digital

Marketing Digital sem espinhas

Deixe um comentário