E-Commerce: como usar Anúncios de Produtos Dinâmicos para máximo impacto

Chatbot phone

Atualizado: Novembro 2019


DPA = Dynamic Product Ads = Anúncios de Produtos Dinâmicos.

Os Anúncios de Produtos Dinâmicos, ou Dynamic Product Ads, são anúncios de retargeting mostrados a pessoas que viram produtos no teu site.

Os anúncios dinâmicos promovem automaticamente o teu inventário a pessoas que expressaram interesse no teu site, na tua app ou noutro local da Internet. Os anúncios dinâmicos têm exatamente o mesmo aspeto de outros anúncios de imagem única, anúncios de carrossel ou anúncios de coleção no Facebook, no Instagram e na Audience Network. No entanto, em vez de criares individualmente um anúncio para todos os itens que promoves, podes criar um modelo de anúncio que utiliza automaticamente imagens e detalhes do teu catálogo dos itens que pretendes publicitar.

Facebook, sobre os anúncios dinâmicos.

anuncios-produtos-dinamicos

Estás a tirar o melhor partido dos teus DPA’s?

A maioria dos anunciantes com conhecimentos avançados usa os Dynamic Product Ads, mas após ter feito algumas assessorias em contas e-commerce, notei que muitos ficam-se pelo setup básico. Resultado? Podiam ter muito melhores resultados.

Estas contas normalmente tinham o setup normal de retargeting de AddtoCart (ATC) e ViewContent (VC), mas…

  • Alguma vez experimentaste DPA’s para prospeção?
  • Alguma vez experimentaste diferentes objetivos de otimização?
  • Alguma vez experimentaste os Anúncios de Coleção?
  • Quantos Catálogos de Produtos testaste a nível do criativo?
  • Estás a testar a tua copy o suficiente?

Se houve apenas uma bullet point que te chamou à atenção, então continua a ler….

Os Anúncios de Produtos Dinâmicos têm sido uma das ferramentas mais lucrativas no arsenal que temos à disposição no Facebook. Foi por isso que decidi escrever este pequeno guia em como usar os Dynamic Product Ads para máximo impacto.

Mas antes de começar, vamos lá meter os pontos nos i’s 🙂

Isto NÃO é um guia técnico em como criar, carregar ou formatar catálogos. Para isso vai ao Centro de Ajuda do Facebook e procura como fazer isso. Isto também NÃO é um guia em como criar imagens de produtos. Isto é para anunciantes que querem ter mais resultados com os seus Anúncios de Produtos Dinâmicos. Deixa o resto para os teus developers e designers.

Testar

Obrigado Capitão Óbvio. Sabemos que é importante testar, mas nem todos nós o fazemos. Testa pelo menos 3 variáveis nos teus DPA’s:

⇢ períodos de conversão
⇢ copy
⇢ tipo de criativo

Vamos começar por falar dos períodos de conversão.

No e-commerce normalmente começamos com este tipo de setup…

ATC (AddtoCart)
0-3 dias
0-7 dias
7-14 dias
30-14 dias

VC (ViewContent)
0-7 dias
7-14 dias
30-14 dias

Dentro destes, experimentamos 2-3 tipos de copy diferentes e pelo menos imagens estáticas vs. carrosséis.

Se tiveres orçamento suficiente, podes também testar os anúncios de coleção, porque proporcionam uma experiência imersiva ao usar vídeo e imagens estáticas ou dinâmicas.

Se possível, testa catálogos diferentes.

Após termos dados suficientes, queremos saber se existem segmentos mais lucrativos que outros.

Por exemplo, em contas grandes, deves experimentar 1-Dia de ATC DPA, porque podem funcionar muito bem.

Usa copy diferente para cada período de conversão e corresponde o tipo de linguagem ao ciclo de compra (jornada do consumidor) em que o teu prospeto se encontra.

Da mesma forma, retirar os intervalos de tempo que não são lucrativos. Normalmente os públicos de ATC perdem “embalagem” após 14 dias, por vezes até antes, dependendo do valor do produto.

O mesmo acontece com o VC. Se tens muito tráfego, podes experimentar acrescentar 0-3 Dias ou mesmo uma Janela de 1-Dia.

Não sou grande fã de descontos, mas aconselho-te a testares. Experimenta cupões, promoções, para converteres públicos de cauda longa.

Algo que funciona muito bem nos DPA’s são as chamadas “Win Back Campaigns”.

Um exemplo óbvio disto seria criar um DPA para quem comprou.

Cria uma nova oferta e mostra aos compradores que compraram há mais de 30 dias atrás.

Normalmente experimento assim…

⁍ 30-60 dias
⁍ 60-90 dias
⁍ 90-180 dias

Outras vezes vou um passo além e experimento isto, com públicos mornos…

⁍ 90(-30)/180(-30) dias “Engager”
⁍ 90(-30)/180(-30) dias VC ou ATC

Se tens um bom incentivo para trazer de volta as pessoas para o teu funil, podes espremer bem o teu tráfego existente.

Experimenta ainda usar o Campaign Budget Otimization (CBO) para saber que tipo de segmento funciona melhor. Podes querer usar um gasto mínimo ao início para que o Facebook não coloque todo o teu orçamento no público maior.

Otimização

Com os DPA’s, faz sentido testar diferentes objetivos.

Por exemplo, otimizar para ATC em vez de PC (Purchase) às vezes tem melhor resultado. Se tens públicos pequenos, isto também ajuda na entrega do anúncio. Testa pelo menos otimizar para ATC.

Prospeção com DPA’s

É importante testares este formato. Só precisas de dados. Se não tens pelo menos alguns milhares de compradores, então o Broadmatch DPA’s não te vão dar grande resultado.

Os Broadmatch precisam dum orçamento um bocado elevado (€200/dia). Por vezes também precisar de alguns dias para ganhar tração, portanto não os alteres ou desatives demasiado cedo.

Outra coisa que podes experimentar é fazer uma camada de 10% Purchase, ou melhor ainda, 10% Valor de Lookalike ao fazeres a segmentação. Segmentar por idade/sexo também pode funcionar.

Criativos

Isto é normalmente a parte em que a maioria dos anunciantes não investe tempo nem atenção suficiente.

A maioria das vezes, as empresas têm catálogos com imagens fraquinhas (leia-se: amadoras). Fazer remarketing com DPA’s pode funcionar bem à mesma, mas poderia funcionar bem melhor se fizessem as coisas como deve de ser.

Por isso, estou aqui para ajudar e mostrar-te o que funciona bem em termos de criativo para os teus anúncios.

Há dois tipos de catálogo que funcionam bem…

a) Imagens estilo de vida

Arranja uma sessão fotográfica em que os teus produtos aparecem em situações da vida real. Contrata um(a) modelo(a) para dar um toque humano à coisa.

Pode ser num estúdio ou fora de portas. Depois transforma isto num catálogo e darás um aspeto bastante profissional.

b) Backgrounds coloridos

Normalmente os DPA’s desaparecem na feed, ou seja, as pessoas deixam de prestar atenção. Capta a tenção delas ao usar backgrounds criativos e coloridos em que mostras os teus produtos.

Após teres estes tipos de criativos, experimenta-os num anúncio de coleção, tanto para remarketing como para prospeção.

O algoritmo do Facebook gosta dos DPA’s e a essência dinâmica deles faz com que sejam bem potentes. Testa a copy como farias com outro tipo de anúncios, dando um refresh de vez em quando nela, e verás um aumento no teu ROAS.

c) Slideshows

Às vezes vejo bons resultados com os slideshows (apresentações), outras vezes nem por isso.

Se puderes criar catálogos personalizados, feitos por um profissional e com bom aspeto, utiliza-os como um slideshow para os teus anúncios. Anúncios que se mexem têm tendência para ter melhor resultado.

d) “Cartões” introdutórios

É possível usar “entry cards” (cartões fixos) para os Carrosséis usados nos Anúncios de Produtos Dinâmicos. Podemos usar imagens ou vídeos no primeiro cartão. Depois disso, é mostrado o catálogo.

Um bom uso disto é ter algum tipo de imagem estática, ou vídeo, que capta a atenção do utilizador, para depois ver o catálogo, em vez de começar logo a ver o catálogo.

Para acabar, coloco aqui dois screenshots mostrando os resultados de campanhas de anúncios de produtos dinâmicos dum dos nossos clientes. Um é de prospecting e outro de remarketing. Isto é apenas um exemplo do tipo de desempenho que eles podem ter.

DPA-prospecting
DPA Prospecting
DPA-remarketing
DPA Remarketing

Ao teu sucesso,
assinatura-joao-78x50-nenhuma
João Alexandre
Estratega Digital

Marketing Digital sem espinhas

Deixe um comentário