Ligar Bot do Messenger a uma CRM (ou serviço email marketing)

Ligar Bot do Messenger a uma CRM (ou serviço email marketing)

Chatbot phone

Atualizado: Outubro 2019


Neste artigo vou-lhe mostrar como usar um bot do Messenger para captar automaticamente a informação da lead e enviá-la para a sua CRM ou serviço de email marketing

Esta é uma boa solução (e prática) para qualificar e segmentar novas leads, sem precisar de ter uma pessoa da sua equipa a passar manualmente a informação da pessoa do Messenger para a sua base de dados.

Pode ainda fazer retarget aos utilizadores do bot com mais informação e futuras promoções que faça. A vantagem disto é que as taxas de abertura para os broadcasts (mensagens) no Messenger é de 70 a 100%.

Vamos lá então.

Neste exemplo vamos criar um bot de demonstração para um agente imobiliário. O bot vai verificar se o potencial cliente quer comprar ou vender, vai captar o email dele e passar esses dados para o Active Campaign.

Active Campaign é um serviço de email marketing (tem CRM também), mas este método também funciona com outros serviços, tais como MailChimp, HubSpot CRM, Infusionsoft, e outros.

1. Crie sequência do seu Bot do Messenger

Vou usar o Chatfuel neste exemplo.

Estou apenas a usar texto e botões de quick reply para perguntar ao utilizador se está a comprar ou a vender.

Vamos colocar cada escolha do quick reply de cada utilizador no user atribute de {{tipodepessoa}}, que vamos referenciar mais tarde.

 width=

Como vamos captar endereços de email (e sincronizar com o Active Campaign) temos de pedir o email ao utilizador.

Para isso, adicionamos um USER INPUT por baixo das quick replies.

 width=

Após o utilizador escrever o email, enviamos-lhe logo uma mensagem a agradecer, confirmando que funcionou corretamente.

 width=

A seguir vem um passo importante, que é adicionar um plugin JSON API. Isto provavelmente é Chinês para si, mas siga os meus passos por agora.

Coloque um plugin JSON API por baixo da mensagem de obrigado e mude o “TYPE” de GET para POST.

Este JSON API vai servir de intermediário ao passar informação deste Bot para o Active Campaign (ou qualquer serviço de email marketing/CRM que esteja a usar).

 width=

2. Crie um catch hook no Zapier

Precisamos de dizer ao nosso bot para onde (e de que forma) enviar a informação que captámos no Messenger. Imagine ter encomendado alguma coisa numa loja online mas não ter dado a sua morada – seria um disparate certo?

É aqui que entra o Zapier, uma ferramenta externa que permite fazer esta comunicação entre o Chatfuel, bot e a sua CRM.

No Zapier, clique no botão laranja MAKE A ZAP e procure por “webhook” na pesquisa.

 width=

Selecione CATCH HOOK nos resultados e clique em Save + Continue.

 width=

No próximo ecrã deixe estar o campo vazio de “Pick off a Child Key”, isso não nos interessa. Clique CONTINUE.

Copie a URL deste webhook que o Zapier gerou para si.

 width=

Agora vamos ao Chatfuel e colamos esse URL no campo de URL do JSON API como mostra na imagem.

 width=

3. Ligar user attributes à JSON API

No campo de USER ATTRIBUTES (ainda no plugin da JSON API), escreva os valores do seu bot do Messenger que quer passar para a sua CRM.

No meu exemplo, coloquei {{first name}}, {{last name}}, {{tipodepessoa}} (comprador ou vendedor) e {{email}}. Lembre-se que o “tipo de pessoa” é se a pessoa escolheu se é está a comprar ou a vender.

 width=

4. Envie informação para Zapier

Após atribuir os user attributes ao plugin JSON API, precisamos de testar e confirmar que a informação está a passar do bot do Messenger para o Zapier e para o Active Campaign.

Então vamos testar isto. Clique no canto superior direito no botão TEST THIS CHATBOT.

 width=

Interaja com o bot, escolhendo se é comprador ou vendedor, e coloque o seu email. Ou seja, teste o chatbot.

 width=

Volte ao Zapier e clique em “Ok, I did this.”

Se tudo correu bem, o Zapier irá puxar a sua informação e mostrar-lhe que o teste teve sucesso (“Test Successful!”).

 width=

5. Faça a ligação com o Active Campaign

Agora que o Zapier tem a informação, temos de dizer-lhe para onde enviar esses dados.

Clique no botão CONTINUE para ir para o passo 2 deste zap, e procure por ActiveCampaign.

 width=

Selecione ActiveCampaign e depois escolha “Create/Update Contact”.

 width=

Vai precisar de ligar a sua conta, por isso clique em “Connect an Account”, que abre esta janela.

 width=

Isto pede-lhe a API Url e a API Key da sua conta no Active Campaign. Isto pode meter um bocadinho de medo, mas não se preocupe que eu explico tudo.

Para encontrar a API Url e a API Key, vá à sua conta Active Campaign, e no canto superior direito clique ao lado do seu avatar e selecione “Configurações”.

No menu da esquerda que aparecer, clique em “Desenvolvedor”, em que lhe vão aparecer estas opções. Depois copie e cola a API Url e a API Key para ligar a sua conta Active Campaign ao Zapier.

API desenvolvedor Active Campaign

6. Preencher campos com os user attributes

Após o ActiveCampaign estar ligado ao Zapier, selecione a lista de subscritores e repita o processo para os outros campos, como o email, primeiro nome, último nome e “tipodepessoa” que é o nosso user attribute do Chatfuel.

 width=

Clique para continuar e irá testar este passo. Num passo anterior, ao termos testado o chatbot no Messenger, ele ficou com a minha informação, que aparecem nestes 4 campos (email, primeiro nome, último nome e “tipodepessoa”).

 width=

Clique para testar e irá ver a mensagem “Test Successful” de novo.

 width=

7. Verifique, verifique

Vá à sua conta ActiveCampaign ver se a informação do teste foi enviada para a sua lista.

Note como aparece ali toda a informação, o primeiro e último nome, o email e o “comprar”, que é o user attribute que definimos no Chatfuel, o tal “tipodepessoa”.

 width=

8. Ative o Zap

Após verificar que funciona tudo bem, volte ao Zapier e ligue o seu Zap. Isto vai ativar este Zap para todos os utilizadores do seu bot do Messenger.

 width=

Conclusão

Ligar um bot do Messenger a uma CRM ou serviço de email marketing é uma das coisas que recomendo fazer já já já, porque captando a pessoa no Messenger, podemos aproveitar e captar logo o email também. Dois coelhos com uma cajadada só.

Em vez de pedir às potenciais leads o primeiro e último nome, que baixa as taxas de conversão, pode agilizar este processo ao importar automaticamente a informação a partir do perfil Facebook da pessoa.

Além disso, pode também usar os bots para enviar mensagens altamente segmentadas para os seus “subscritores”, incluindo fazer-lhes retargeting grátis, tudo isto sem gastar um cêntimo em anúncios Facebook.


Ao teu sucesso,
assinatura-joao-78x50-nenhuma
João Alexandre
Estratega Digital

Marketing Digital sem espinhas

Deixe um comentário