O maior obstáculo ao contratar um consultor de anúncios Facebook

O maior obstáculo ao contratar um consultor de anúncios Facebook

Chatbot phone

Atualizado: Outubro 2019


Se quer encontrar a pessoa ideal para gerir os anúncios Facebook por si, só há um obstáculo que tem de ultrapassar (não é difícil, vai ver).

Veja este vídeo (ou a transcrição abaixo) para saber qual – e como – ultrapassar o maior obstáculo ao contratar um consultor espetacular de anúncios Facebook.

Subscreva-se no canal YouTube:
Botão subscrição canal YouTube

Como contratar um consultor anúncios Facebook

Proteja o seu negócio dos consultores “faz de conta” ao saber como encontrar o verdadeiro talento num mar de mediocridade. Clique aqui para saber como

Transcrição

Como é trabalhar com um consultor de anúncios Facebook

Olá, o meu nome é João Alexandre e sou o seu consultor e especialista em anúncios Facebook, simpático, que está aqui à sua frente, e que ajuda as pessoas a terem resultados simpáticos com o seu marketing e com os seus anúncios.

Recentemente estivemos a falar sobre contratar um consultor de anúncios Facebook. Em vídeos anteriores, nós falámos sobre se vale a pena, ou não, contratar um especialista e consultor em anúncios Facebook (ver vídeo 1); como é que é trabalhar e o que esperar ao trabalhar com um consultor de anúncios Facebook (ver vídeo 2); e diferentes valores e estruturas de pagamento que um consultor de anúncios se pode cobrar (ver vídeo 3).

Hoje, nós vamos falar sobre o maior obstáculo, o maior desafio, ao trabalhar com um consultor de anúncios.

E não tem nada a ver com o sítio onde você pode encontrar consultores, porque você pode encontrar consultores em quase todo o lado. O problema não é encontrá-los, o problema é encontrar um bom; alguém que você possa confiar, alguém que se interesse mesmo pela sua marca, pela sua atividade, pela sua empresa; alguém que lhe vai dar resultados, e que não vai agarrar no seu dinheiro e desaparecer, ou dizer “olhe, desculpe lá, os anúncios não funcionaram.

Este é o mesmo desafio que qualquer pessoa tem quando contrata um prestador de serviços. “Será que esta pessoa é mesmo boa, será que aquilo que lhe estou a pagar vai compensar e me vai conseguir ter resultados que eu quero? Porque se calhar até conseguia fazer isto tudo por mim próprio e poupava dinheiro. Estou a gastar o meu tempo, mas ao menos faço as coisas por mim próprio(a) e não tenho de pagar a ninguém.”

Isto é o que algumas pessoas pensam. Só que isto do mundo dos anúncios Facebook é complexo. Por isso é que um bom consultor se cobra bem.

Você tem de pagar dinheiro ao consultor e pagar dinheiro [pelos] anúncios, sem saber se isso lhe vai dar os resultados que você está à procura. E isto pode ser um bocado intimidador, pode ser um bocado assustador, porque você não sabe o que vai acontecer.

Então, aquilo que interessa é encontrar alguém em quem você possa confiar que, logo ao princípio da conversa, seja por telefone, por email, ou ao vivo, essa pessoa saiba aquilo que está a falar, essa pessoa saiba os seus números [cálculos].

E quando digo “números”, digo taxa de vendas, taxa de conversões, de leads em clientes, aquilo que você fez anteriormente [no seu marketing] que funcionou e que não funcionou, quais é que são os seus objetivos, etc.

Esta conversa deve mesmo envolver números, matemática. Não é do género “ah está bem, vamos captar mais leads” ou “vamos captar subscritores para a sua lista de emails a 30 cêntimos ou a 20 cêntimos” ou “olhe, está aqui um estudo de caso em que ajudei esta empresa e vou fazer o mesmo por si, ajudei esta empresa a alcançar milhares e milhares de pessoas.”

Mas isso pode não significar nada, porque o seu objetivo pode não ser querer chegar a muitas pessoas. O seu objetivo pode ser usar os anúncios para chegar às pessoas certas e conseguir transformá-las em leads e depois em clientes, para conseguir faturar e conseguir ter lucros.

Por isso é que é importante ter alguém que sabe o que está a falar, mas também alguém em quem você pode confiar, para que ele(a) saiba quais é que são os seus objetivos e poder mostrar-lhe como é que os anúncios lhe poderão dar o retorno e os resultados que você está à procura.

Você não tem de saber estes números, porque isto são coisas um bocado complicadas. Se souber, melhor, maravilha. Mas se não souber, não há problema. Quando estiver a trabalhar com o seu consultor, ele vai conseguir determinar isso. Vocês vão conseguir determinar isso junto, porque isso é uma das coisas que um bom consultor de anúncios faz.

Por exemplo, eu na minha atividade, eu sei quanto é que custa um produto ou um serviço meu ou um serviço de coaching, e depois sei quanto é que eu posso pagar, até quanto é que eu posso pagar por uma lead. Até quanto é que eu posso pagar pelos anúncios, para conseguir transformar visitantes em leads, e eventualmente em clientes ou alunos meus.

Portanto, este tipo de conversa tem de acontecer com um bom consultor de anúncios. Não é só “ah vou fazer isto e vou fazer aquilo.” Não. É saber os números e falar consigo, e você ter alguém ali à sua frente em quem pode confiar.

Brevemente, eu vou lançar um minicurso premium sobre este tipo de conversa que você vai ter, ou que pode ter, para saber se está a falar com um bom consultor de anúncios ou não, para que você possa estar preparado ou preparada, conseguir separar o trigo do joio, e saber, através daquilo que lhe dizem, se aquela pessoa é uma boa escolha para si ou não, se aquela pessoa é um bom consultor ou não, para que você não tenha de ter dissabores, porque às vezes vamos à procura do mais barato, encontramos uma pessoa qualquer, e depois as coisas correm mal.

Eu já ouvi histórias de horror em relação a isto, não só em relação aos anúncios Facebook, mas também marketing no geral. Contratam pessoas porque querem ir à procura do mais barato, e depois acontecem desastres.

Portanto, fique atento ou atenta ao minicurso premium que eu vou lançar, que se chama, como contratar um consultor de anúncios Facebook.

Veja isso para que você não gaste milhares e milhares de euros com alguém que não vale a pena, e para que consiga então descobrir a agulha no palheiro, consiga descobrir o diamante no meio do carvão, consiga encontrar aquela pessoa, que não só [é alguém] em quem pode confiar, mas também que sabe aquilo que está a dizer, e que sabe aquilo que vai fazer.

Então, obrigado por ver, marque um amigo nos comentários que precisa de ajuda em anúncios Facebook, ou precisa da ajuda de alguém que os ajude nos anúncios Facebook. Goste, comente, partilhe, e se tem alguma dúvida, partilhe aqui nos comentários a sua pergunta, a sua questão, que vou fazer os possíveis para responder.

Então até à próxima, o meu nome é João Alexandre, e obrigado.


Ao teu sucesso,
assinatura-joao-78x50-nenhuma
João Alexandre
Estratega Digital

Marketing Digital sem espinhas

Deixe um comentário